About Me

18 setembro 2014

Eu voltei + Os livros que li (1º Parte)

| | 6 comentários
Oi gente, estou de volta!!!
Os últimos dias foram cheios de projetos e coisas pra eu fazer e, no final das contas, quem sofreu as consequências foi o blog que ficou completamente desatualizado. Pois é. Mas nos próximos dias, vou trabalhar para que ele fique com os posts já programados para que esse tipo de coisa não aconteça.

Desde minha última postagem, muita coisa aconteceu. Assisti vários filmes legais e outros, nem tanto assim. Finalizei a leitura de alguns livros que faltam ser resenhados; ganhei livros; estou esperando chegar uma compra que fiz; e continuo aguardando aparecer promoções bem legais nos sites para comprar uns livrinhos que ultimamente estão chamando mais a minha atenção. Ah, eu falei um pouco sobre alguns deles na postagem de Livros Desejados de Setembro (confira clicando aqui).

De expectativas para esse mês, quero muito conferir as adaptações literárias que foram para o cinema e acho que vou “quebrar” a regra de ler o livro antes de ver o filme, já que quero conferir Maze Runner sem falta, e talvez O Doador de Memórias – que a princípio nem tinha me interessado pelo livro, mas depois que vi o trailer, super me empolguei para assistir! Vocês já viram? Deem uma olhadinha:


E o de Maze Runner que também é muito amor():



Meu intuito com esse post é, além de dar uma breve introdução do que estou esperando e do que está acontecendo nesses dias, contar pra vocês os livros que já li e também os filmes que assisti nesse meu sumiço (vou falar em um próximo post), mas que ainda não apareceram por aqui. Os livros podem ter certeza que vão aparecer como resenhas pra vocês, já os filmes, talvez eu fale sobre eles, até porque não me lembro com 100% de clareza tudo o que eu assisti. Confira então os livros aí embaixo:

RESUMÃO DOS LIVROS QUE EU LI:
(em breve terão resenha)

Bela Maldade, da Rebecca James. Eu gostei. Acho que só me decepcionei um pouco com a expectativa da maldade de uma das personagens, já que na época que esse livro virou um *boom* onde choviam resenhas e comentários sobre ele na blogosfera, eu li uma entrevista de um blogueiro com a autora que falava que a maldade de uma das personagens era fora do comum, muito cruel. Só que quando li, não achei tudo isso não. E da metade para o final do livro, as coisas não foram tão surpreendentes ou tão interessantes como o ritmo do começo do livro.

Estou devendo resenha de Olho por Olho das autoras Jenny Han e Siobhan Vivian faz um tempinho! Queria ler algo delas por gostar da escrita das autoras, e Olho por Olho não me decepcionou! É um livro que gostei muito, exceto por um fator: a autora incluiu alguns fatos sobrenaturais que achei completamente desnecessários. Estou com a continuação aqui, mas um pouquinho receosa de esse fator sobrenatural não me convencer na continuação. Mas estou pensando em reler o livro Olho por Olho antes de resenhá-lo aqui.


Vampiros em Nova York – Os Primeiros Dias, do autor Scott Westerfeld. Até então nunca tinha lido nada dele e gente, gostei muito! A escrita do Scott é bem fluída e o personagem principal de Os Primeiros Dias é completamente cômico, dei muita risada. Eu adorei o livro e olha que ele nem é muito falado por aí; só não comprei o próximo porque de acordo com minhas pesquisas, “Os Últimos Dias” está beirando os cinquenta reais! E, gente, sem chances até então; não dou esse valor em livros.


Estou devendo a resenha de Tipo Destino da autora Susane Colasanti também. Li esse livro faz tanto tempo e não achei nada de tão interessante na história que acabei nem resenhando por aqui. É um livro mediano. Divertidinho e tudo mais, mas nada que se destaque de outros.

E vocês, o que andaram fazendo de bom nesse mês de setembro?
A segunda parte desse post sai em breve, vou falar sobre os filmes que assisti!

07 setembro 2014

Comprando livros em inglês: livros usados do Better World Books

| | 8 comentários
Fiz um post há um tempinho sobre minha quase experiência de compra de um livro em inglês. Dando uma rápida recapitulada, eu havia comprando um livro no site betterworldbooks.com, um site gringo que vende livros usados. Como sei que muita gente tem dúvidas de como funciona todo esse processo, resolvi mostrar como foi a minha experiência.

Era a minha primeira compra internacional de um livro em inglês e infelizmente o livro não chegou conforme previsto. Já li por aí – e até assisti vídeos – de gente compartilhando suas experiências não tão positivas assim em relação a esse site. Fui completamente sincera com vocês quando contei a minha, de que o livro não havia chegado, mas que a equipe do site fora super cordial e agiram de prontidão para me reembolsar o valor do livro. OK. Mas eis que nesses dias, eu chego em casa e o que encontro? Um pacote do Better World Books! YAY! Fiquei super feliz porque recentemente fiz uma compra de outro livro por lá e pensei que esse havia chegado bem rápido.

Só que...
Quando abri o pacote, adivinhem que livro que era? O dito cujo que não tinha chegado há uns três meses! Isso mesmo, o So Much Closer da Susane Colasanti. Eu nem acreditei! Então, vim começar hoje a compartilhar minhas experiências desse tipo, tanto quando o livro chegar, e como comprar livros lá fora. Ah, e caso você queira conferir como que foi que tudo aconteceu desde o comecinho, eu fiz essa postagem aqui (x) que você pode conferir clicando aqui mesmo.

Antes de explicar o passo a passo de como foi que eu fiz para comprar, acho legal mostrar o estado do livro que eu comprei. Afinal, acredito que a principal dúvida de muitas pessoas é essa: o livro sendo usado vem em condições boas mesmo ou não?

Confira as fotos e comentários abaixo:


Esse exemplar que comprei é um hardcover (capa dura) e estava classificado como "Very Good", ou seja, de acordo com a descrição do site, um livro nessa categoria possui apenas algumas marcas de manuseio e um ou outro amassado, além do que pode vir com alguma nota de biblioteca (uma etiqueta, por exemplo). Acima dessa categoria, são apenas os livros novos. Então, se vai comprar um usado (e seguindo as dicas do site Psychobooks rs) compre na categoria VERY GOOD. Você não vai se decepcionar.



























Não sei se na foto vai ficar muito nítido para vocês, porém as únicas marcas que o caracterizam como um livro usado e que sinceramente NÃO considero como problema, foi a jacket (essa capa que vai sobre o livro) que estava com uma leve manchinha perto do "S" de Susane, e a parte superior que estava levemente amassada - o que são características um tanto quanto normais e que não me incomodaram em NADA.



























A lombada só possuía um leve quase imperceptível amassadinho na borda, mas que também é completamente normal e não me incomoda.



























Não há manchinhas nem marcas de manuseio, nem post its, nem nada nesse livro. Ele está praticamente novinho em folha. Fiquei completamente satisfeita!



























A diagramação é ainda mais fofa do que a da Novo Conceito. Na parte superior da página, há um pequeno desenho, as letras são de tamanho apropriadíssimo, espaçamento ideal, nada do que criticar!



























Resumindo: o livro está em condições EXCELENTES! Fiquei completamente satisfeita e não esperava que o meu exemplar viesse em tão boas condições como de fato veio. É como disse anteriormente: nem parece livro usado! Agora é só ler e então resenhar aqui para vocês - contando também o nível de inglês para leitura e o que achei da história (novamente).
Ah, e para quem ficou curioso, paguei $ 6,98 dólares. Em torno de 16 reais.

04 setembro 2014

Livros desejados de setembro

| | 2 comentários
Não estou comprando livros. Pelo menos não ultimamente, quando tenho uma lista imensa de livros não-lidos parados na minha estante. O fato é: quem gosta de livros, vez ou outra sempre adiciona um livro a mais para ler e comprar quem sabe um dia. Pois é. Eu fiz uma lista assim para mim. São livros que não posso me esquecer de comprar assim que tiver a oportunidade ou que estiverem com preço justo. E quando digo preço justo, quero dizer que estou aguardando um preço relativamente baixo, bem acessível mesmo.

Para não me esquecer desses livros que quero muito adquirir, geralmente marco no skoob como “livros desejados”. Mas é claro que tenho uma arrumação mental de quais eu quero com maior intensidade dos que quero com menor intensidade. Então, resolvi separar aqueles livros que eu realmente tenho interesse em comprar e que, aos poucos, pretendo adquirir. Sejam por resenhas positivas, sinopses interessantes ou indicações, esses livros são uns queridos que tenho muita vontade de tirar alguns minutos diários para me aventurar nas histórias. Se você já leu algum desses livros e realmente indica ou NÃO, comenta aí. Levo muito em consideração as opiniões alheias antes de adquirir algum exemplar.

Então, enfim, sem mais blá-blá-blá, os livros são:



Desde que vi esse livro da Meg Cabot, estou interessada nele. Já li muitas resenhas positivas a respeito da história, e a escrita da Meg me agrada muito também. Sei que a maioria das pessoas não curtiram tanto o livro continuação, porém ao menos esse quero ler.
Li uma resenha de “Nosferatu” e me interessei logo de cara. Tem uma “fantasia obscura” mesclada com terror! Ou seja, o típico livro que me atrai.
Quero ler todos os livros da Lisa Gardner desde que li “Sangue na Neve” (resenha aqui). A autora meio que conseguiu me introduzir no gênero de thriller policial e me fez gostar muito de histórias desse tipo. Até então esse é o único livro da autora publicado aqui no BR que eu não tenho.



Gosto de livros adolescentes divertidinhos, e “Nada Dramática” além de ser de autora brasileira, me parece ser bem engraçadinho.
Outro autor que pretendo ler todos os livros lançados é o Scott Westerfeld. Esse, em especial, “Os Últimos Dias” é a continuação de “Os Primeiros Dias”, livro que foi minha última leitura e me encantou pela originalidade da obra. Além do que Scott W. escreve de uma forma que envolve e diverte o leitor, quero saber como essa duologia finaliza.
Outro livro de terror! Desde que vi um vídeo da Mari do Psychobooks falando de “Misery”, logo marquei ele como um livro desejado. Gente a história parece ser demais! E é Stephen King, nunca li nada dele, mas creio que vale a pena dar uma olhadinha.



“Inside Girl” é um livro que nunca vejo falarem por aí, mas que claramente me lembra Gossip Girl. Como gostei de GG quando assistia a série, quero dar uma chance para esse livro também. Gosto desse tipo de história, sempre me divirto com elas.
“O Massacre da Serra Elétrica” é um dos meus filmes favoritos! Quando vi essa edição da Darkside Books na livraria eu simplesmente desejei ter esse livro o mais rápido possível. Ok que por ser uma edição especial (e linda), o livro é um tanto quanto caro – bem caro mesmo! Se um dia encontrar uma promoção, sem dúvidas levo esse livro na hora!
“Pretty Little Liars” é uma série bem longa que quero acompanhar. Pelo que sei é uma história no tipo do filme “Eu sei o que vocês fizeram no verão passado” haha Parece ser muito boa!

E vocês, contem aí quais os livros estão nas suas listas de desejados do mês!

01 setembro 2014

Sangue na Neve, Lisa Gardner

| | 8 comentários
INFORMAÇÕES:
EDITORA: Novo Conceito
PÁGINAS: 409 páginas
BAIXE UM TRECHO: Clique aqui
AVALIAÇÃO: 5 de 5 estrelas (Excelente)
COMPRE: na Livraria Saraiva, no Submarino

QUEM VOCÊ AMA?
Essa é a pergunta que inicia o livro e norteia toda a vida de uma das personagens. Afinal, quem você ama e o que seria capaz de fazer por essa pessoa?

Sangue na Neve é o quinto livro da série da policial D. D. Warren, e seus livros são publicados pela Editora Novo Conceito. Até agora os livros que foram lançados saíram de forma aleatória, sem seguir a ordem de publicação original. Sinceramente não sei se isso interfere no avanço da leitura da série, até porque comecei pelo quinto livro – na verdade sem saber. E os únicos empecilhos que creio que vão ocorrer por ler fora da ordem são os de saber certos “spoilers” sobre a vida pessoal da detetive; algo que percebi quando fui ler outras resenhas de outros livros da Lisa Gardner. Porém acredito que isso não seja de todo um problema, até porque os livros tem como foco principal a decorrência das investigações e caso você não se incomode em acompanhar desse jeito (como eu), vá em frente!



Em Sangue na Neve, acompanhamos a investigação de um caso muito peculiar e justamente o qual a sargento-detetive não queria estar envolvida. Tessa Leoni é uma polícia do estado, uma trooper, que divide sua vida entre ser mãe durante o dia e seu trabalho duro na parte da noite e madrugada. Tudo ocorria aparentemente bem em sua vida, até que em um domingo pela manhã o marido da trooper é encontrado morto baleado na cozinha de casa, a filha dela está desaparecida e Tessa está toda machucada fisicamente, como se tivesse levado uma surra pesada de um homem. Se não bastassem esses problemas, a arma usada para assassinar o marido da trooper Tessa foi a Sig Sauer, a sua arma de trabalho. E é nesse contexto que a sargento-detetive D.D. Warren é chamada para “limpar a sujeira” e desvendar o que de fato sucedeu naquele domingo pela manhã.

Sangue na neve é um livro que foge completamente dos meus “padrões” de leitura, por fazer parte de um gênero que nunca me interessei: thriller policial. Acho importante pontuar isso, pois sempre torci o nariz quando foi para ler livros desse gênero, e como estava buscando uma leitura que saísse de minha zona de conforto, apostei sem grandes esperanças em Sangue na Neve – algo que a princípio não tinha muito a ver comigo. O interessante nisso tudo é que Gardner conseguiu me prender logo no primeiro capítulo. A forma como ela conduz a história, o ritmo eletrizante que nos envolve desde o princípio do livro, o suspense constante em nunca se saber quem de fato está falando a verdade, quem é inocente ou culpado, induz o leitor a “devorar” o livro. A leitura foi completamente deliciosa, o livro é excelente e cheio de ação do começo ao fim. A autora consegue fazer o leitor se sentir parte da história, estar integrado à investigação; é como se estivéssemos sentados à mesa, discutindo com a sargento-detetive a respeito do caso, desvendando os mistérios e apostando em possíveis/prováveis suspeitos e/ou culpados.



Em conjunto com a investigação, acompanhamos também a história da vida da detetive D. D. Warren, alternando entre o processo de investigação desse caso, e sua vida pessoal – que é onde a detetive está passando por, digamos assim, algumas transformações extremamente relevantes.
Para resolver o caso investigativo, ela conta com a ajuda de Bob Dodge, um velho amigo e detetive. Bob aparece em outros livros da D. D. Warren também, e é um personagem muito inteligente e tem um olhar estratégico a respeito dos fatos.

Os capítulos são intercalados entre primeira pessoa, onde acompanhamos a visão da trooper; e em terceira pessoa, narrados a respeito de D.D.Warren. Eu certamente gostei de acompanhar a história por esses pontos de vista por ter funcionado tão bem! Conseguimos saber um lado e outro do caso, somos enganados e coagidos a opinar sobre uma coisa ou outra; ficamos no limite da tensão, querendo descobrir o que ou quem causou todo aquele caos. O fato é que D. D. Warren além de ousada, tem uma inteligência perspicaz. E posso dizer que o ponto chave da história centraliza no poder dessa personagem em pensar de forma tão inteligente. Sem dúvidas, essa série é uma das que vou acompanhar sempre que os livros forem lançados. E completamente indico a vocês!!!!