Header Ads

Uma leitura rápida e cheia de reviravoltas

Sabe quando você começa uma leitura de forma totalmente despretensiosa? Essa foi a minha experiência ao pegar "O Casal que Mora ao Lado", livro de estreia da autora Shari Lapena, lançado pela Editora Record. Apesar desse livro ter sofrido um *boom* nas redes sociais logo após o lançamento, ainda assim não havia me convencido tanto a ler. Porém, poucas páginas lidas e imagina a minha surpresa de ser completamente envolvida pela história! Li esse livro super rápido.



"O Casal que Mora ao Lado" conta a história de Marco e sua esposa, Anne. No aniversário de Graham, o vizinho do casal, ele e sua esposa Cynthia os convida para comemorar com um jantar. Porém, Cynthia pediu que não levassem a filha. Ela simplesmente não suporta crianças chorando.

Marco garante que a bebê vai ficar bem dormindo em seu berço. Afinal, eles moram na casa ao lado e podem levar a babá eletrônica e se revezar para dar uma olhada na filha. Porém, ao voltarem para a casa, a porta da frente está aberta e Cora desapareceu. Logo o rapto da filha faz Anne e Marco se envolverem em uma teia de mentiras, que traz à tona segredos aterradores.

O QUE EU ACHEI?

Logo de início, somos jogados nesse mistério, sem rodeios. Aos poucos vamos acompanhando o desenrolar das investigações a respeito do caso, mas sempre com olhos atentos para ao menos tentar desvendar quem é o verdadeiro culpado e o que aconteceu de fato naquela noite. Durante a leitura, a autora nos leva para vários caminhos que nos fazem criar hipóteses sobre o caso. Mas, adianto: você vai se surpreender. E isso não apenas nas páginas finais do livro: a história é repleta de reviravoltas super empolgantes que dão um gás ainda maior na leitura. Esse livro carrega tanta tensão e mistérios nas páginas que incita aquele ritmo mais "frenético" de leitura, sabe? Mesmo com quase 300 páginas, a leitura flui tão bem que você nem vê o tempo passar.

Nesse livro não acontece como vários desse estilo, onde o autor espera o final (ou perto dele) para revelar todos os mistérios envolvidos com a trama. Em "O Casal que Mora ao Lado" cerca da metade do livro você já sabe a parte principal do mistério, porém ainda assim há muito mais envolvido na história e que é revelado aos poucos. Com a decorrência da leitura, passados são desenterrados e cada vez mais somos levados a trocar de suspeitos, uma vez que nenhum personagem é perfeito, todos têm falhas que se tornam pontos cruciais para que desconfiemos deles.

Não consegui me simpatizar tanto pelos personagens. Achei a parte de caracterização um pouco fraca. Sabe aquela frase comumente usada para escritores, "mostre, não conte"? Foi o que faltou um pouco aqui. Não há tanto a construção dos personagens. A autora usa mais o artifício de contar como cada um é e a sua personalidade ao invés de mostrar acontecimentos que façam jus exatamente ao que é dito. Mas talvez o objetivo do livro fosse realmente esse: o assunto principal é o mistério e o que acontece ao redor disso não possui tanta relevância assim, por isso não é aprofundado.

Posso afirmar que foi uma leitura que só continuei justamente por aguçar a curiosidade. A escrita da autora causa essa necessidade de saber o que acontece depois, apesar de não me fazer concordar com algumas soluções e caminhos que ela sugere para que aceitemos.

Apesar das ressalvas, não é um livro ruim. Foi uma boa leitura, porém se não fosse esse ritmo, não sei bem se me atrairia pelo enredo da história em si. Recomendo para quem ainda não teve muita experiência com esse gênero e quer começar com um livro que (provavelmente) vai prender a sua atenção e te conquistar logo de cara. Mas ainda assim prefiro livros que vão construindo a história/o mistério aos poucos e nos faz parte desse processo acompanhando o desenrolar da trama.

INFORMAÇÕES:
Livro: O Casal que Mora ao Lado
Título Original: The Couple Next Door
Autora: Shari Lapena
Número de Páginas:
Ano de Publicação:
Avaliação: 4 de 5 estrelas
Goodreads: clique aqui ou Skoob: clique aqui

▶ Compre COM DESCONTO usando um dos seguintes cupons (válidos não apenas para livros):

• Americanas: https://www.cupomvalido.com.br/desconto/americanas/
• Submarino: https://www.cupomvalido.com.br/desconto/submarino/
• Livraria Cultura: https://www.cupomvalido.com.br/desconto/livraria-cultura/
• Livraria da Folha: https://www.cupomvalido.com.br/desconto/livraria-da-folha/

7 comentários:

  1. Tô fazendo uma lista de livros pra 2017! Já selecionei esse, parece muito bacana!!!!
    lualac.wordpress.com

    ResponderExcluir
  2. Oi! Preciso ler esse livro para saber quem raptou a criança e o mistério que gira em torno disso. Acredito que esse seja o ponto alto da história. As resenhas que já li são muito positivas e a sua também foi. Espero ler esse ano ainda. Bjos <3

    Click Literário

    ResponderExcluir
  3. Oi Daisy, tudo bem? Não ou muito fã de suspense, mas nos últimos tempo tenho me arriscado no gênero, apesar das ressalvas parece um bom livro!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  4. Olá, Daisy.
    Eu gostei bastante do livro porque gosto de livros assim que prendem pelo suspense. Mas a história da bebê não é muito forte mesmo, o que mais me motivou foi a história da Anne. E como odiei os dois por term deixado a bebê sozinha.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  5. Olá,

    Já tinha visto a resenha desse livro em outro blog e por todo esse mistério me fez achar interessante a história.
    Gostei muito da premissa.
    Bjs
    http://diarioelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi, Daisy!

    Tenho visto muitas resenhas dessa obra, e a sua foi mais uma repleta de elogios e deixando claro o quão surpreendente é as descobertas da história. Tenho muita curiosidade em ler, mas a falta de caracterização dos personagens me desanima um pouco, porque acho difícil se envolver com a história se você não se sente conectado aos personagens. Ainda assim, parece ser mesmo uma ótima leitura!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.