Maze Runner - Correr ou Morrer (Filme)

Desde que fiquei sabendo da adaptação de Maze Runner para o cinema e vi o trailer, fiquei ansiosa para conferir. Se você assistir o trailer, provavelmente também ficará. E assim como o trailer, o filme é sensacional e posso dizer que até agora, “Maze Runner – Correr ou Morrer” entra, sem dúvidas, para a lista dos meus filmes favoritos!



Tudo começa quando Thomas acorda num lugar totalmente isolado, uma comunidade onde só há jovens garotos. Ele não sabe quem o deixou ali, tampouco se lembra de muita coisa a seu respeito. Assim como os garotos que chegaram naquele lugar de tempo em tempo, todos tem praticamente a mesma história: sem memórias, não sabem seus próprios nomes, tampouco porque estão ali. Porém, aos poucos, cada um vai se adaptando àquela comunidade e passa a se integrar a ela, fazendo dali seu lar.

A Clareira, é como chamaram o lugar, nada mais é do que um espaço verde, amplo, rodeado por um grande labirinto que, até onde já puderam observar, tem hora certa para abrir suas portas e fechá-las depois. Como há regras naquele lugar, não é permitido que os garotos explorem o labirinto, apenas pessoas específicas que, com o intuito de tentar sair da Clareira, percorrem o labirinto todo dia para mapeá-lo, em busca de saída. O problema é que o labirinto, especificamente à noite, muda e junto com isso, os monstros que vivem lá dentro são libertados e matam qualquer um que estiver ali. Ninguém que tenha passado a noite dentro do labirinto havia sobrevivido a ele.

Até que um dia Thomas acaba entrando no labirinto. E então a ação do filme realmente começa.

Estou me segurando para não dizer apenas “assistam, é sensacional!” e finalizar esses comentários a respeito desse filme haha Sério! Sou dessas que com jeitinho obriga as pessoas ao seu redor a assistir filmes que eu amei de paixão e esse é um desses. Ah, e já pra avisar, essa resenha só vai ter comentários e adjetivos positivos, então vamos lá!

Eu li algumas resenhas negativas a respeito do filme, mas pelo que pude perceber, está ligada aquela velha questão que todos conhecemos quando estamos falando a respeito das adaptações literárias para o cinema. São poucos os filmes que seguem fielmente o livro como um roteiro. No geral, tudo é adaptado para que se torne mais vendável, talvez, ou seja lá quais motivos forem a respeito disso.

Por isso, mesmo indo assistir Maze Runner tendo só como base o que eu vi no trailer, já que não li o livro (AINDA! Mas vou), eu amei. Não posso fazer uma comparação com o livro porque tenho certeza que, assim como muita gente falou sobre as diferenças, eu encontraria uma lista. Entretanto saber que o livro é diferente do filme foi algo positivo para mim. Terei mais coisas a saber a respeito desse mundo incrível que James Dashner criou!


O filme é muito bom e genialmente conduzido. Eu simplesmente amei saber a respeito de um universo totalmente diferente e maravilhosamente criado, que difere de tantas distopias que estão estourando por aí. Sem dúvidas, esse filme é totalmente original e muito bem executado. Serve para entreter e prender a nossa atenção na 1 hora e 54 minutos de filme!

Tem muita ação, o que é sensacional. Causa aquele frio na barriga em querermos descobrir o que está por trás do labirinto e, afinal, quem são os responsáveis por cria-los e manter os garotos ali dentro. Além do que as cenas onde há muita aventura e descobertas, gente correndo e nós torcendo para que dê tudo certo, sentimos como se estivéssemos lá dentro. Eu adoro filmes assim! E os personagens, eu torci para vários! São extremamente cativantes e únicos! Fiquei curiosa para saber mais sobre suas vidas antes de estarem ali, na Clareira.

O final é revelador e com certeza cria uma grande ansiedade em querermos saber o que vem depois. Isso é incrível porque incita direta ou indiretamente a comprarmos os livros e acompanharmos a história. Porque ficar sem saber o que ocorre depois é crueldade, vai.

Maze Runner é um filme eletrizante do início ao fim e, sem dúvidas, de tirar o fôlego!
Vale muito assistir!

TRAILER:

12 comentários:

  1. Eu amei demais essa adaptação em todos os sentidos! Podem ter mudado algumas coisas, mas o filme ficou muuuuito bom de qualquer forma. Muita fé no segundo!

    xx
    Espero você lá no blog! <3 www.carolespilotro.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quero muuuuuuuuuuito assistir o próximo <3 Preciso pra ONTEM!

      Excluir
  2. Oii,
    Eu gostei muito desse adaptação, o filme ficou muito bom e estou doida pela continuação!!

    Sua resenha ficou ótima!!

    Beijos,
    Juh
    http://umminutoumlivro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. OOOoii,

    Eu não assisti nem li o livro ainda, mas como você, eu vi muitas criticas.
    Esse é o tipo de filme que eu assistiria, mas não leria o livro sabe? Sempre acho que adaptações é uma visão da história, não ela totalmente por isso temos que nos preparar para pequenas decepções, vou deixar essa dica anotada para assistir em breve!


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, falou tudo! Mas mesmo assim muita gente reclama que não é fiel ao livro e tudo mais... Hahaha De qualquer forma, amei o filme e acredito que amarei o livro também <3

      Excluir
  4. Assisti o filme e também amei. Aquele final é de matar! To louquinhas pra ler os livros.
    beijos.
    http://lugaaraosol.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem me fala!! Surpreendente ;D Necessito da continuação pra ontem!!

      Excluir
  5. Já faz um tempo que eu vi o filme e também coloquei lá no blog... Também gostei muito do filme, apesar de algumas coisas aqui e ali, que sempre acontecem com as adaptações, nunca ficam do jeito que nós leitores queremos. Mas um ponto positivo... não estragaram o filme, já é muita coisa.


    Mas quem nunca leu o livro, se deparou um ótimo filme, mas pra quem leu, sempre fica aquela pulga atrás da orelha - acho que poderiam ter melhorado.

    Bjkas :)
    afinsdaleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha Sem dúvidas, não seria boa coisa se estragassem. Imagina só que tragédia ):

      Excluir
  6. O filme é muito bom, muito bonito e com ótimas atuações, maaas é claro que quem leu o livro fica meio encanado com o filme HSAHSHU A história é maravilhosa então leia sim o livro e ame ainda mais que o filme

    Beijoos,
    Sétima Onda Literária
    Tem post novo sobre "A Playlist de Hayden" novo lançamento da Novo Conceito, sobre bullying e música boa.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.