About Me

28 maio 2014

Escolha o próximo livro a ser sorteado no blog

| | 4 comentários
Não sei se já repararam, mas eu gosto de sortear livros que eu já resenhei aqui no blog. Acho mais fácil, já deixo a resenha linkada e se quiser conferir minha opinião sobre a história, ela já estará prontinha para vocês. Antes eu resenhava o livro e não sorteava logo de cara, então acabaram acumulando alguns aqui que já foram lidos e resenhados faz um tempão. Sendo assim, resolvi fazer um apunhado deles nesse post para você, caro leitor, decidir, qual desses livros vocês querem que seja o próximo sorteado aqui no blog? Vote na enquete logo abaixo...

Observação: Fugindo à regra, dois dos livros que eu coloquei aqui não tem resenha - e provavelmente não vão ter. São eles: Tipo Destino (que eu li, mas não resenhei) e O Começo do Adeus (que o gênero/tipo de livro não é do meu interesse, então resolvi sortear sem resenha mesmo...



Ah, aproveitando o "embalo": estamos no final do sorteio do livro Conselho de Amiga aqui no blog - vai até dia 31/05/2014, corre que ainda dá tempo de participar!! É só clicar aqui (x) que já será direcionado.


Respectivas resenhas:

Enquete!!

26 maio 2014

Lançamentos no cinema para junho

| | 2 comentários
Para aproveitar que estou completamente sem informações do que poderá vir no cinema (e também aproveitar e me preparar para caso haja algum bem legal, eu assistir), resolvi fazer esse post para vocês! Para evitar que eu comece com muito blá-blá-blá aqui para vocês – como ultimamente tem acontecido haha – vou só dizer quais estou interessada. E vocês podem fazer o mesmo, na caixinha de comentários J

Os que me interessaram foram: O Homem Duplicado, que é o filme baseado no livro do José Saramago e que eu fiquei bem curiosa para assistir; Oldboy – Dias de Vingança; Transcendence; e Vizinhos, que parece ser bem engraçado J




24 maio 2014

O Diário da Princesa (filme)

| | 2 comentários
Diário da Princesa (o filme) conta a história da adolescente Amelia Thermopolis (Anne Hathaway), ou simplesmente Mia, uma garota que mora com a mãe e tenta levar uma vida um tanto quanto comum para garotas da sua idade: divide uma paixão platônica com o garoto popular da escola, tem sua melhor amiga e confidente, Lilly, e dificuldades em falar em público. Mas é quando está próximo do seu aniversário chegar que sua vida sofre uma reviravolta: Mia descobre que seu pai era o Príncipe de Genovia, um pequeno e não-tão-conhecido-assim país europeu  - o que fazia dela a princesa de Genovia.
Sua avó a visita e a convida para assumir o posto de princesa desse país, afinal, eles precisavam de alguém para assumir o lugar que seu pai havia lhe deixado. Pendendo mais para a resposta negativa porque, convenhamos, Mia já tem dilemas demais no colégio para ter que arcar com mais um; ela então decide postergar sua resposta final, enquanto fica entre os dois pensamentos: aceitar ou não, com a promessa de que irá decidir em seu aniversário. Enquanto sua avó lhe dá aulas de etiquetas de como uma verdadeira princesa tem que se portar e agir, o tempo parece passar rápido demais e Mia precisa se decidir logo – afinal, o futuro de Genovia está em jogo, e o seu também...



Uma observação pessoal haha (porque sempre tem): Minha primeira experiência com Meg Cabot foi há muito tempo, quando eu ainda não conhecia o sucesso que a autora tinha com seus livros. O primeiro contato foi com o livro A Garota Americana. Eu o li emprestado da biblioteca, achei bem fofinho e tudo mais, mas não fiquei tão encantada assim. Pouco tempo depois, li Diário da Princesa. Lembro que a leitura foi bem prazerosa e engraçadinha, e que fiz uma nota de adquirir os livros porque pareciam ser fofos e divertidos. Eu não sabia que havia filme – e, bem, depois que soube fiquei com um pouco de preguiça de assistir hehe. Mas foi quando em um sábado à tarde o filme ia começar e eu não tinha nada a fazer, que resolvi dar uma chance. Antes que eu me esqueça de informar: esse post não será uma comparação do livro e filme – até porque minha memória de como eram os detalhes do livro são bem escassas – mas espero compartilhar com você um resumo da percepção que tive e de como a história é J.

O filme não é nem um pouco tedioso como eu pensava. Dei altas gargalhadas enquanto assistia, porque gente, é muito divertido! As falas e atitudes da Mia são simplórias e inocentes e acho que nesse ponto que traz um lado cômico da história. Afinal, ela só está tentando viver a sua vida e então essa “bomba” de ser princesa estoura e a adolescente tem que aprender a lidar com isso. Mas ela é jovem demais para querer se preocupar com o que assuntos da realeza, quando ela precisa tentar ser ela no meio desse “caos” todo que a adolescência propriamente dita, é.

Em suma, o filme é desses “levinhos” de se assistir em uma tarde comendo pipoca. O desenrolar da história é bem engraçadinho, o que pelo menos me fez lembrar dos tempos do colégio e o quanto a adolescência não é uma fase fácil de se passar – apesar de ser divertida, por você não ter responsabilidades e tudo mais. Acredito que esse fator de imposição na rotina já não tão simples assim de Mia – o “ser princesa” quando sua vida adolescente já está “complicada” demais, pois ela está tendo dificuldades em tentar ser normal no colégio – é um tanto quanto interessante de se ver. Afinal, Mia precisa "ser grande" quando o que ela mais quer é ser invisível e se esconder dos olhares alheios. E ela precisa aprender a conciliar sua vida normal com a vida de princesa. Em meio a isso tudo ainda temos paixões platônicas e dilemas da vida. Afinal, o que seria por esconderem por anos quem ela você (ou ela) é de verdade?




Comparando com o livro – eu disse que não ia comparar, mas na verdade nem é uma comparação, é só uma nota – há aspectos que notoriamente são divergentes do filme para o livro. Mas nada que faça de um spoiler para o outro. São mudanças necessárias que se tivessem sido mantidas integralmente como o livro, talvez não desse tão certo assim. Acredito que a adaptação encaixou certinha. Nada a tirar nem por. Uma adaptação de um livro para filme não é uma tarefa fácil, afinal, você tem que fazer com que aquelas tantas páginas de livro se tornem imagens que façam sentido e não percam a essência do livro. E ela está ali, implícita, mas está.
Eu indico pra você que quer se divertir, tanto o livro quanto o filme. Vale a pena se você quiser rir ou gargalhar um pouco. Muito bacana!!


INFORMAÇÕES:

Gênero: Comédia
Duração: 115 minutos
Lançamento: 18 de janeiro de 2002
Atores-destaques: Anne Hathaway e Julie Andrews
Dirigido por: Garry Marshall
Assistiria novamente!
Trailer:

22 maio 2014

Comprando livros em inglês, Próximas leituras e Etc

| | 0 comentários
Oi gente!
Resolvi compartilhar com vocês alguns acontecimentos na minha semana que estejam relacionados ao blog, mais especificamente a livros/filmes. Não sei ainda se esses posts serão recorrentes, mas acredito que será uma forma legal de contar pra vocês coisas desse tipo, de um modo informal. Ao final da leitura, comentem o que acharam....

SOBRE O FILME A ORIGEM E MEU AMOR POR ELE ()

A-há antes de tudo tenho que dizer que assisti novamente aquele filme "A Origem". Esse filme é daqueles meio complexos que se você desviar o olhar por um minuto, pode perder a linha de raciocínio e então nem tudo fará sentido. Como já havia assistido ele fazia muito tempo, resolvi assistir novamente com a ideia fixa de que as coisas poderiam fazer mais sentido e tudo mais. E fizeram J
Eu até pensei em fazer uma espécie de resenha ou algo do tipo aqui no site para vocês, mas sabe aqueles livros ou filmes que são muito difíceis de comentar? Ou porque você simplesmente gostou muito ou não gostou nadica de nada? Pois bem, eu amei tanto esse filme que não consegui escrever algo que faça jus a ele, por isso resolvi comentar aqui, assim, brevemente. Os pensamentos e ideias são tão bem construídos, cheios de complexidade e inteligência!! Eu fiquei me perguntando depois: “Como alguém conseguiu pensar num filme como esse? É genial!!!!” Certamente ele vai entrar na lista dos filmes que assistiria quantas vezes fosse possível, porque ele é demais!!!!! Indico totalmente pra você que ainda não assistiu... E já te digo: você tá perdendo hen?

SE AVENTURANDO A COMPRAR LIVROS EM INGLÊS

Outra coisa bacana que aconteceu foi que eu comprei meu primeiro livro em inglês – um hardcover de Bem Mais Perto, da Susane Colasanti. Comprei pelo site BetterWorldBooks.com que é um site que vende livros usados, de biblioteca. A Mari do Psychobooks já indicou ele uma vez e a Giu do Amount of Words também, e outras pessoas que busquei pela internet; então me senti confiante o bastante para comprar. Vai ser meu primeiro hardcover e minha primeira leitura em inglês ~~momento histórico~~ hahaha Estou pensando em que assim que ele chegar, vou fazer um post aqui pra vocês, explicando como que foi todo esse processo – até porque é a primeira vez que compro livros de fora. Vou falar sobre preço, entrega, condições físicas do livro, postarei fotos e tudo mais. Além de que pretendo resenha-lo aqui.
Aí você pode se perguntar (se você já viu uma resenha desse livro por aqui), por que eu comprei um livro que eu já li? Simples: para treinar meu inglês. Eu dei uma olhada na amostra do livro na Amazon e não tive dificuldades em entender aqueles parágrafos. Além do que eu acho que é mais fácil eu compreender a história em inglês de um livro que eu já li em português, considerando que é minha primeira leitura do tipo. Vou decidir ainda se leio intercalado – um capítulo em português aí eu leio um em inglês – mas provavelmente não vou fazer isso. Vou resenhar o livro So Much Closer para vocês e se tudo der certo, as resenhas em inglês podem ser frequentes aqui – vou comprar mais livros lá porque gente, são muito baratinhos!! Ahh e recebi um e-mail tão fofo do site <3 e engraçadinho também, mas vou contar isso melhor depois... J

A SAGA DE ESCOLHER PRÓXIMAS LEITURAS CONTINUA!

Sobre a minha dificuldade em escolher um próximo livro pra ler... Pois é, nesses últimos tempos foi muito difícil escolher o que ler depois de “Conselho de Amiga”. Eu simplesmente não estava conseguindo me concentrar muito bem nas histórias que eu pegava, então eu meio que começava a ler um e depois pulava para outro e outro... Acontecia exatamente como eu havia comentado nesse post aqui (x). Ó só pra vocês terem ideia: comecei tentando ler Simplesmente Ana, fui para Colin Fisher, pulei para As Gêmeas, corri para Vinte Garotos no Verão, até então ir para o que estou lendo no momento: Branca de Neve e o Caçador (que, a propósito, é muito amorzinho ). Todos esses livros são super legais, mas não sei porque raios não consegui me concentrar na história. Eu gostei de todas elas!! Sério, não achei nenhum chatinho. Mas eu meio que senti como se estivesse “engolindo” as palavras, e não “degustando” haha Todos eles eu li umas vinte páginas e parei – o marcador está parado nelas para quando eu retornar a leitura, continuar de onde parei. Resultado? Só consegui aquietar com Branca de Neve e o Caçador. E está dando super certo.

INSTAGRAM......... PORQUE SIM HAHA

Falando sobre Branca de Neve e o Caçador, postei uma fotinha recentemente no Instagram do blog sobre a diagramação fofíssima que a Editora fez para esse livro. Pretendo ser mais ativa no Instagram do site, então, se você ainda não acompanha, segue aí: INSTAGRAM.COM/NUVEMDELETRAS ~~propaganda~~
Coloquei um widget na lateral do blog com as últimas imagens que eu postar lá. Para quem quiser acompanhar e tudo mais J

20 maio 2014

Como você escolhe sua próxima leitura?

| | 2 comentários
Eu tenho sérios problemas em escolher o próximo livro que vou ler... E vocês?

Escolher a próxima leitura nem sempre é algo fácil de fazer e isso pode se dar por diversos fatores. Seja por você ter muitos livros e não conseguir escolher, ou então por não estar na “vibe” de ler determinado livro, cada leitor pode encontrar a sua dificuldade seja ela qual for. E foi daí que nasceu esse post!


imagem (x)
Tenho muita dificuldade em escolher o próximo livro a ser lido. Na maioria das vezes, isso se dá ou por a leitura anterior ser tão legal que eu simplesmente não consigo encontrar livro algum que chegue “a altura do anterior”; já outras vezes sinto como se os livros não me prendessem tanto assim para eu prosseguir com a leitura. Nesse último caso, leio o início da história, paro, e depois vou pulando de livro para outro livro – o que, convenhamos, é um saco!

Já falei aqui diversas vezes que não priorizo os livros de parceria acima de qualquer coisa quando vou escolher meu próximo livro a ler, já que percebi que se sinto que estou sendo meio que “obrigada” a ler, a coisa não flui de verdade. Ou pode até fluir inicialmente, mas logo após o término da leitura, eu entro em uma espécie de ressaca literária e então instintivamente me recuso a ler qualquer outro livro por um longo tempo. Geralmente opto por escolher de acordo com “o que estou sentindo vontade de ler” e na maioria das vezes funciona. Já tentei uma TBR Jar, mas não deu muito certo – o que não deixa de ser uma opção bem bacana de você unir o útil ao agradável: ao mesmo tempo em que diminui sua lista de livros não lidos, você escolhe a próxima leitura. J

Para facilitar a minha vida no sentido de escolher a próxima leitura, separo meus livros por gênero. Então, assim que eu finalizo um livro mais denso ou de tirar o fôlego, corro para um mais leve e já sei onde encontra-lo. Ok que nem sempre as coisas funcionam assim tão facilmente e estou cheia de livros que comecei a ler e abandonei a leitura por não sentir que aquele era o momento certo para determinado livro, mas vale a intenção – de vez em quando funciona.

Contando com todos esses meios e tal, eu queria saber: como você escolhe a próxima leitura?

18 maio 2014

Como comprei minha estante de livros pela internet

| | 3 comentários
Faz um tempo que fiz um post aqui falando sobre a ideia de comprar estantes pela internet (x) e que estava pensando em fazer isso, já que a minha estante anterior estava precisando “tirar férias definitivas”. Pois bem, o que aconteceu foi que eu comprei uma estante e até me esqueci de compartilhar com vocês como foi a minha experiência e dar algumas dicas. Pois bem, cá está J

Antes de tudo eu pesquisei em lojas físicas, só que não encontrei nenhuma loja que tivesse estante de livros. Surgiu então o dilema: será que é realmente confiável comprar uma estante pela internet? A dúvida me veio porque eu não tinha ideia de como ela seria fisicamente – e eu não sou muito boa em entender de que tipo de material algo é feito e se é bom e tudo mais. Mas, com minha força de vontade rs acabei decidindo ir em frente e comprar pela internet.

Dica 1: Veja as medidas que você quer:
Depois que eu decidi, medi as prateleiras da minha estante anterior. Afinal, eu queria ter uma ideia se as prateleiras caberiam meus livros e teriam profundidade suficiente. Então, medi altura, profundidade e largura. Anotei tudo em um caderninho pra não esquecer. Medi também o espaço disponível do meu quarto, ou seja, onde eu tinha planejado que iria coloca-la – sem surpresas de chegar uma estante que não tinha nada a ver com o tamanho do lugar onde queria deixa-la. Feito tudo isso, eu fui à campo hehe.

Dica 2: Pesquise em sites confiáveis:
Os sites em que procurei foram: Casas Bahia, Americanas, Extra e Submarino. Tem umas estantes bem legais!! Mas eu já tinha algo em mente: queria uma branca bem bonita, com cinco prateleiras e que não fosse tão frágil, sabe? Ou que pelo menos não aparentasse ser. “Muito fina” e tudo mais? Não mesmo.

Dica 3: Leia os comentários de quem já comprou no site:
Isso eu considerei também, para saber se elogiavam e se condizia com o anúncio. Se era fácil de montar e tudo mais.

Dica 4: Compare preços:
Acabei comprando nas Casas Bahia um modelo que eu tinha colocado aqui no blog para vocês. Eu ia comprar no Submarino, mas o preço era mais caro e a estante era igualzinha a das Casas Bahia. Paguei 200,97 nela, mais 19,99 de frete. No submarino ela estava quase 280,00. Mesmo modelo e cor. Além disso, a Casas Bahia prometia a montagem gratuita para quem morasse em determinados lugares de SP (o que é meu caso) e não achei nenhuma informação sobre montagem no Submarino. Sobre essa estante, uma nota importante: todo mundo falava que não era difícil montar, então a montagem grátis das Casas Bahia eu deixei de stand by – para o caso de ser necessário.

Dica 5: Se prepare para esperar um pouco:
Sobre o prazo de entrega, foi mais rápido do que eu esperava. Ok, eu não tenho muita paciência de esperar e tudo mais, mas foi até que aceitável. O que demorou um pouco foi a emissão da nota fiscal, mas acho que isso é normal. Depois que foi emitida, um dia depois minha querida estante chegou! Total de dias entre pedido e entrega: 7 dias.

Dica 6: A montagem:
Quando ela chegou, meu pai me ajudou a montar. Levaram algumas horas, umas duas mais ou menos – não me recordo muito bem... Se você tem os mecanismos necessários para montá-la: força de vontade rs, furadeira para facilitar sua vida, martelo e chave de fenda (desculpe se estou esquecendo de alguma coisa, não sou muito boa em lembrar disso haha), você consegue montar. A estante já vem furada em algumas partes e a maioria das coisas é só encaixe. Super fácil!! Lógico que devo ressaltar que se você for comprar a sua, é melhor que alguém te ajude a montar - considerando que seja a mesma que a minha. Veja isso também quando você for comprar a sua pela internet, é bem importante!
Ah, antes que me esqueça, a das Casas Bahia, após a chegada do produto, tinha que solicitar no site para que viessem montar, prazo de 7 dias. Não resisti e fui montar logo hehe

Dica 6: Aproveite!
Lógico né, porque você merece hahaha A que eu comprei foi a estante abaixo <3 (A IMAGEM ABAIXO É DO SITE OK?) Assim que for possível (tiver claridade o suficiente e tudo mais) vou postar a foto de como ela ficou, aqui. Ficou lindinha e já está quase cheia... Mas eu tenho algumas ideias de trocar uns livros aí que não tenho pretensão de ler... Mas isso é assunto para outro post J

OBS: ELA É LINDAMENTE BRANCA!!! VI ISSO NOS COMENTÁRIOS PORQUE ELA PARECIA BEGE.... POR ISSO COMPREI HAHAHA


13 maio 2014

Lançamentos das editoras para o mês de maio

| | 0 comentários
A-há pensaram que esse mês não teriam os lançamentos do mês? Pois bem, cá estão J
Antes de tudo, quero dizer pra vocês que esse mês realmente, realmente mesmo, tem muita coisa legal!! Eu separei a maioria dos livros aguardados e que pareceram bem bacanas!!

Dessa vez, acho que a maioria me agrada, mas sempre se destacam alguns... Começando pelo último livro da trilogia de A Seleção, A Escolha (com essa capa linda demais - aliás, todas as capas dessa trilogia são lindas e fofas); A Rosa da Meia Noite (estou querendo muito desde que eu li o post da Brenda do blog Catavento de Ideias falando de alguns motivos para se dar uma chance aos livros da Lucinda Riley - que normalmente são gigantes e talvez seja por isso que eu deixo de lado... Mas depois que eu li o post, fiquei animadinha pra ler os livros da Lucinda!! Se você já passou ou passa o mesmo dilema que eu, pode conferir o post da Brenda clicando aqui. Tem também o último da trilogia Delírio, Requiem; e o livro Tempo Entre Nós, que quero ler depois que já vi muitas resenhas positivas e tudo mais...; o lançamento da Novo Conceito, O Retrato, está me atraindo também, apesar de ter essa capa não tão legal assim (e eu acho que uma boa capa incentiva sim o leitor, de certa forma, ou pelo menos a princípio) e provavelmente vou adquirir e ler logo; e por último, tem esse livro da Melissa Maar, Sombrio Perdão que se não me engano é uma trilogia (?) que quero ler faz um tempão também e tem essa capa linda!!

Aproveita e conta aí quais são os lançamentos imperdíveis pra você também.

Observação: Se clicar na capa abrirá uma nova aba para o site da Livraria Saraiva, com o livro em pré-venda. Os que ainda não foram disponibilizados em pré-venda, se você clicar na capa, poderá encontrar a sinopse no site do Skoob J

11 maio 2014

Conselho de Amiga, Siobhan Vivian

| | 4 comentários
INFORMAÇÕES:
EDITORA: Novo Conceito
PÁGINAS: 223 páginas
BAIXE UM TRECHO: Clique aqui
AVALIAÇÃO: 5 de 5 estrelas (Excelente)
COMPRE: na Livraria Saraiva, no Submarino

Conselho de Amiga foi um livro que li faz um tempão, mas simplesmente não consegui escrever sobre ele. É difícil falar sobre um livro que gostamos bastante, mas vamos lá!!

Primeiramente tenho que dizer que esse livro é um daqueles que se você for julgá-lo pela capa, com certeza vai se dar mal. O bem da verdade é que eu fiz isso quando fui lê-lo, pois logo após de sair de uma leitura mais “tensa” - o livro No Escuro, um thriller bem bacana com bastante suspense e tensão - pensei em pegar uma leitura bem tranquila, uma história sobre romances e dilemas adolescentes. Bem, Conselho de Amiga é um livro que trata sobre esses assuntos, mas não se restringe apenas a isso. Ele envolve problemas comuns que qualquer pessoa pode passar, mas o diferencial está na narrativa fluída da autora, a forma como ela consegue tratar de assuntos sérios de modo envolvente, não enfadonho.

Ruby vive apenas com a mãe desde que seu pai as abandonou, quando ainda era uma criança. Desde então, ela não tem muitas notícias sobre ele, mas sabe o quanto foi difícil superar essa falta. Ela teve que contar com a ajuda de Beth, sua melhor amiga, que esteve a seu lado sempre lhe dando conselhos de como deveria agir e ser, e que por fim a ajudou a superar seus problemas/dilemas. Porém, é quando seu pai retorna no dia de sua festa de aniversário de 16 anos, onde Ruby está reunida com suas amigas e a mãe, que o mundo dela parece começar a ficar de cabeça pra baixo. Principalmente quando Ruby começa a questionar a lealdade de suas amigas – afinal, será que são amigas mesmo? – e a ver que há muitos segredos envolvidos em seu passado, coisas que não são tão agradáveis de descobrir – e que talvez fosse melhor se ficassem escondidas para sempre.

Conselho de Amiga certamente não é um daqueles livros de romances adolescentes. Ele traz um teor de realidade super gostoso de se acompanhar. Posso dizer que tanto o final, quanto o desenrolar dos fatos foi algo tocante para mim, e não sei dizer se isso está apenas relacionado ao fato de que eu esperava que o livro fosse algo mais fantasioso, digamos assim, e de fato não é. A realidade pode doer e não ser algo tão agradável, e talvez de fato foi nesse ponto que a autora conseguiu me fisgar... E o final foi de certa forma marcante e triste porque de fato foi real, e as pessoas agem assim.

Há um pouco de romance na história, uma pitada extra que a autora colocou e posso dizer que é bem cativante e convincente. Além disso, encontramos outras questões abordadas na história, como alguns relacionamentos conflituosos que a personagem acaba tendo com a mãe, com suas amigas e relacionamento amoroso. A autora mescla breves flashbacks da vida de Ruby com o presente dela em uma narrativa em primeira pessoa. Posso dizer que Conselho de Amiga com essa capa alegre não é só mais uma história. Não digo que é um daqueles livros felizes e clichês, mas sim uma história simplória que deveria ser lida por adolescentes e adultos também por tratar de assuntos sérios de uma forma gostosa de se ler! Super recomendo!

Se você se interessou, pode concorrer ao sorteio do livro que vai até o dia 30/05/14. É só clicar aqui.

Booktrailer do livro:

07 maio 2014

Lançamentos no cinema para maio

| | 0 comentários
Antes tarde do que nunca, resolvi compartilhar com vocês o que podem encontrar de bacana no cinema. Para esse mês de maio tem alguns filmes bem legais, estou querendo assistir O Espelho, Malévola e No Limite do Amanhã. E vocês?

Lembrando que caso queira conferir o trailer, é só clicar na imagem que abrirá uma nova aba em seu navegador, direto para o youtube.