sexta-feira, março 09, 2012

Falando sobre: leitura

O brasileiro está lendo mais.
Sim, é assim que começo essa postagem. Sem mais delongas. Direto ao ponto. Afirmo e reafirmo: o brasileiro está lendo mais.
Mas, aí você vira para mim e pergunta: “Tudo bem, — me encara com olhar desafiador — mas com base em quais pesquisas comprovatórias, você pode afirmar isso com tamanha convicção”?
É, decerto pesquisas eu não tenho, mas um olhar minucioso, ah, isso sim.
Aposto que muitos devem estar concordando (ou não) comigo agora. Hoje em dia, é fácil se deparar com alguém lendo um livro, desses que a gente gosta, seja em lugares comuns ou um tanto quanto inusitados; há leitores em transportes públicos, em meio a aula chata de alguma matéria, numa praça, num consultório odontológico, no shopping... As pessoas estão lendo mais, e isso é extremamente bom! Quando que você conseguia ver isso tempos atrás? Eu, pelo menos, não via. Eram raras as vezes que encontrava um leitor por aí ou alguém que se interessava pela leitura... Sem contar os autores brasileiros que pouco se arriscavam no mercado literário.
Ontem mesmo, por exemplo, encontrei tanta gente lendo livros que eu irei ler, ou que gostaria, que quase parei para bater um papo e perguntar se o livro é bom. Tudo bem que não tenho essa "cara de pau" de chegar assim, do nada, e ir puxando assunto. Ainda mais com uma pessoa desconhecida que com certeza está mais preocupada em ler do que bater um papo sobre determinado livro rs

Algumas das leituras que me deparei ontem, enquanto fazia o quê? Lia um livro!

A leitura como um fardo sobre os ombros, um sofrimento ou até mesmo um peso que devemos carregar até o vestibular e além, está ficando para trás. É um prazer ler, deleitar-se nas páginas de um bom livro (seja qual for), passar a tarde inteira tentando desvendar um mistério ou descobrir quem matou quem... E essa transmissão do prazer propiciado pelo ato de ler beneficia tanto que quando nos deparamos com leituras obrigatórias para o vestibular ou na escola (Memórias de um sargento de milícias, O primo Basílio, Memórias póstumas de Brás Cubas, O cortiço, Capitães de Areia, Auto da Barca do Inferno, dentre tantos outros), acabamos tirando de letra. E rapidinho.

A leitura é para o intelecto o que o exercício é para o corpo - Joseph Addison

Apesar das diversas críticas que esses "tipos" de literatura sofrem, o fato é: um livro pode aprimorar nosso vocabulário, melhorar nossa escrita e desenvolvimento de ideias. Além disso, no Brasil, um país onde a leitura não é o nosso ponto mais forte tampouco tão incentivada assim e sim imposta como algo obrigatório (portanto, extremamente chato), fatos como esse são, pelo menos para mim, completamente gratificantes. A leitura é gratificante.
É claro que há muito a ser feito para tornarmos um país de leitores. Mas, já é um belo de um começo!

A leitura engrandece a alma - Voltaire

5 comentários:

  1. Oie
    Isso é realmente ótimo.
    Antigamente eu raramente encontrava alguém com um livro na rua, mas hoje em dia eu vejo e muito viu. Especialmente no ônibus.
    Amei o quote, eu costumo dizer ao meu esposo, que uma coisa que não tem como ninguém tirar da gente é o conhecimento, e através da leitura nosso conhecimento se expande.
    bjos

    ResponderExcluir
  2. Você tem razão. Realmente aumentou e muito o número de leitores por ai, o que é extremamente positivo!
    E a leitura é sempre gratificante, não há como descordar disso ^^
    Beijão!

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bom?
    Você está certissima, estamos lendo mais, não como deveria, mas um dia podemos chegar lá né?!
    Território das garotas
    @territoriodg
    Bjss *-*
    http://territoriodascompradorasdelivro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Ao falar a frase do Voltaire, seria um ótimo start para qualquer coisa voltada para leitura. Além de engrandecer a alma, estimula pensamentos e enobrece a linguagem, sem dúvidas.

    Li no começo do ano, em algum site que agora não me recordo, que a leitura aumentou em 13%. E eu fico super feliz que isso esteja acontecendo. Mais leitores, mais cidadãos críticos.

    Amei o post!

    Um beijão,
    Pronome Interrogativo.
    http://www.pronomeinterrogativo.com

    ResponderExcluir
  5. Ah, que post lindo! *-*
    Concordo em número, gênero e grau com tudo que você disse. Também, de uns tempos pra cá, estou reparando que mais e mais pessoas estão lendo, principalmente nesses lugares que você citou, como transporte público, naquela aula chata (tenho que confessar que leio muito durante aulas chatas :x).

    Quando vejo alguém em algum lugar lendo um livro que eu já li ou quero muito ler, também fico morrendo de vontade de parar ali e ficar horas conversando com essa pessoa. Mas como você disse, não tenho essa cara de pau e acho que seria forçar a barra demais, haha.
    Mas que bom que os livros, a leitura mesmo em si, nos faz sentirmos tão gratificadas.
    E que não gosta daquele sentimento quase de entorpecimento intelectual quando viramos a última página daquele livro maravilhoso? É mágico! *-*

    Ah, te indiquei em um Meme que respondi lá no meu blog. Se você tiver interesse em participar, o link é esse:
    http://livrificando.blogspot.com/2012/03/meme-das-onze-coisas.html

    Se já tiver sido indicada anteriomente, me desculpe. :)

    Beijão ♥
    Priscilla Duhau
    Livrificando

    ResponderExcluir